LENHA NA FOGUEIRA (ZEKATRACA)


Agora que o Projeto Arquitetônico da Cidade da Cultura, que será construída no Parque dos Tanques, foi aprovado pelos segmentos..

personLENHA NA FOGUEIRA (ZEKATRACA) date_range12 Jun 2018 - 09h20

Agora que o Projeto Arquitetônico da Cidade da Cultura, que será construída no Parque dos Tanques, foi aprovado pelos segmentos culturais.



********



Sábado passado dia 09, estava eu sintonizado no Programa “Samba na Cultura”, apresentado pelo meu amigo Carlinhos Maracanã na rádio 107.9 Cultura FM, quando no quadro de “Entrevistas” o João Carlos começa a conversar com um candidato a candidato a deputado estadual nas próximas eleições, e esse candidato praticamente se dizendo dono da ideia, passou a comentar sobre a construção.



********



É bom lembrar que o cidadão até bem pouco tempo era secretário de estado. Aliás, desde o governo do prefeito Carlinhos Camurça ele vem assumindo como Secretário. Apesar do seu poder de fogo perante os governos pelos quais atuou, Nunca moveu um “Dedo” em prol de investimentos culturais.



********



Aí, não sei o que foi que ele fez! Só sei que convenceu o Maracanã a convidá-lo para a entrevista de sábado no Programa de Samba.



********



A verdadeira história do Projeto começa em 2015: O Arraial Flor do Maracujá em 2014 passou para a coordenação da Federação de Grupos Folclóricos de Rondônia – FEDERON e foi realizado no Campo de Futebol do bairro Esperança da Comunidade.



********



Em 2015 a diretoria da FEDERON procurou a Sejucel com o intuito de conseguir autorização para montar o Arraial no Parque dos Tanques e foi informada que o espaço pertencia a SEAS que tinha como adjunto o Dr. Márcio.



********



A FEDERON formou uma comissão composta por mim Sílvio Santos, Aluízio Guedes, Mary Cyanne e Severino Castro para procurar a SEAS no sentido de conseguir a autorização. No gabinete do adjunto Márcio ficamos sabendo que aquele espaço estava reservado para o governo construir um condomínio, para seus técnicos.



********



Realizamos o Flor do Maracujá no Parque dos Tanques. No dia do encerramento do Arraial, o hoje governador Daniel Pereira na qualidade de Vice, foi representando o então governador Confúcio Moura. Pedi ao Fernando Rocha presidente da Federon que me deixasse falar na hora do encerramento da festa e ele concordou.



********



Dos presentes no Palco, fui o primeiro a falar, então sugeri ao então Vice-Governador Daniel Pereira que falasse com o governador Confúcio que, enquanto o Centro de Convenções programado para ser construído no Aeroclube (na estrada do Japonês), pois essa construção demoraria uns 20 anos para ficar pronta. Que Confúcio construísse no Parque dos Tanques, uma estrutura onde se pudesse realizar o Flor do Maracujá e os Desfiles das Escolas de Samba.



*******



Em seu discurso Daniel Pereira se comprometeu a conversar com o governador a respeito do assunto e atendendo a sugestão do Rodney Paes que a área passasse a ser de responsabilidade da Sejucel. Daniel conseguiu com o governador tudo que sugerimos junto com o pessoal da Sejucel. Nesse ínterim Rodney foi a Brasília e conseguiu a palavra do Ministério da Cultura da garantia de R$ 8 MILHÔES.



*******



O funcionário até então da Sejucel Lucas Veroneses (que a gente chama de “Varandas” recém formado arquiteto, em poucos dias desenvolveu o esboço de um Projeto Arquitetônico e apresentou ao pessoal do Folclore e das Escolas de Samba.



********



Depois a deputada Marinha e o Senador Raupp colocaram via Ministério do Turismo uma emenda no valor de R$ 14,5 MILHÕES. Esse valor já está empenhado em nome da Superintendência de Turismo de Rondônia – SETUR. O novo projetoArquitetônico já foi aprovado pelos segmentos culturais e foi desenvolvido por uma empresa de Ji Paraná.



*******



Vai ver o Maracanã foi contratado como “Sargento Eleitoral” do seu entrevistado! Pois, pela cultura mesmo, ele nunc fez nada. Como estamos em tempo de eleição, eles acham que tudo é válido!


Sobre o autor

LENHA NA FOGUEIRA (ZEKATRACA)

Colaborador do Que Notícias, ZEKATRACA é titular da coluna Lenha na Fogueira no jornal Diário da Amazônia. E-mail: zekatracasantos@gmail.com