O QUE DA NOTICIA (AOR OLIVEIRA)


BRASIL – COMPRA DE ARMAS

personO QUE DA NOTICIA (AOR OLIVEIRA) date_range03 Dez 2020 - 17h20 location_onARIQUEMES

Circulou hoje nos maiores sites eletrônicos do País, que o Brasil irá fazer uma compra milionária de armas nos Estados Unidos.



Ora o Brasil precisa de investimento na educação, para acabar com esses currais eleitorais que perduram até hoje, para findar com essa troca de votos por comida e por uns quinhões chamado Bolsa Família. O Povo precisa ser instruído em uma universidade, o Governo ao invés de comprar armas, deveria proporcionar a educação para todos os brasileiros desde o primário a faculdade de graça, aí sim, teríamos um País desenvolvidos a nível de primeiro mundo.



O Brasil necessita urgentemente de investimento na saúde, para que não se estabeleça o caos.



O Brasil precisa de um governo que acabe com a corrupção e ponha na cadeia os infratores.



Agora comprar armas é aumentar a delinquência no Brasil.



O QUE É ISSO. PERNILONGO LEVANDO CRIANÇAS EM SUAS ASAS



Matilde ficou tonta hoje ao ver circular nas redes sociais as reclamações de mães que estão com seus filhos internados no Hospital da Criança, que na verdade está parecendo muito mais um aeroporto de pernilongo do que um centro de tratamento infantil.



Nesse ponto onde fica o Ministério Público Curadoria da Saúde, para investigar e consequentemente punir os responsáveis, mesmo que estejam em fim de mandatos, pois, até a virada do ano ainda são responsáveis pela administração da prefeitura.



 



O CALDO VAI ENTORNAR



Todas as histórias infantis em especial as dos irmãos Grimm, narram contos sobre bruxas e um dos companheiros inseparáveis não são apenas os gatos pretos, mas sim os corvos.



Não sei ao certo sob que efeitos e porções mágicas, um certo pássaro resolveu jogar no caldeirão da bruxa elementos dos quais ele mesmo não tem provas, são apenas suposições. Não sei se Ariquemes tem 40 UBER, mas Tiziu afirmou em entrevista que 40 UBER trabalharam exclusivamente para a candidata Carla Redano, levando as pessoas para votarem nela. Tendo essas informações porque não denunciou os motoristas do aplicativo, e quem foi de Uber votar em sua pessoa, deveria ser denunciado também, o taxista, o moto taxista, quem trabalhou com qualquer meio de transporte naquele domingo de eleição, deveria ser investigado, já embarcando no seu devaneio, quem foi na garupa da bicicleta também deveria ser investigado? O senhor não é o planeta Saturno para ter anéis girando ao seu redor. Causou um certo arrepio na espinha dorsal de Matilde, observar sua vice fazendo caras e bocas, e sorrir para as câmeras, como se realmente tudo fosse verdade não sendo Matilde uma criança ficou com medo das expressões faciais dela. Ele insistiu veementemente que tem provas de compras de votos, que e viu pessoas sendo abordadas para compra de votos. Então fica a pergunta ao senhor candidato, como cidadão conhecedor das leis até porque já foi deputado estadual, sendo saber dos ditames das leis que regem esse maravilhoso país, porque o senhor ou algum fiscal não segurou o cidadão criminoso e chamou a polícia?



Matilde viu desespero nos olhos do pobre Tiziu, ao afirmar que teme pela sua vida, pois irá até as últimas instâncias para fazer valer seus direitos, diz tem esperança de que seja empossado como prefeito deste município. Matilde insiste em perguntar que bodoque mira em ti? Ou seria o temor pelas dívidas?



Bem com isso o caldeirão está fervendo, o prato dos próximos dias pode ser Tiziu ao molho pardo.



E AGORA JOSÉ. VAI SOBRAR PARA A PRÓXIMA ADMINISTRAÇÃO



Trata-se um assunto o tanto quanto complicado, pois, envolve um ex-servidor público comissionado que foi Chefe do CID. É uma questão da aplicabilidade de pena expulsória pela Administração Pública a servidor incurso em ato de improbidade, foi que fez quando a Secretária de Saúde tomou conhecimento dos fatos.



Porem os danos causados por esse servidor vai muito além do que se possa imaginar. Em um termo de declaração prestado ao Chefe de Governo a época, uma senhora delineou toda a maracutaia praticada por Igor Thiago Paulino, que vai desde o desvio de combustível adquirido em um posto da cidade, até a esquema de troca de materiais em lojas de materiais de construção na cidade.



É chocante os relatos feitos por essa senhora a respeito das práticas delituosas feitas por Igor, e o pior de tudo isso é saber que a administração de um jeito novo de fazer política não abriu uma sindicância ou até mesmo um inquerido para apurar todas as mazelas praticadas.



Não tem muitas delongas, o termo de declaração é fatídico e crucial, é muito forte os relatos, e agora que a vaca foi para o brechó quem arca com a responsabilidade.



Em todo esse imbróglio ainda tem o caso da camionete da saúde que segundo informações havia sido roubada, mas no apuratório se constatou que o veículo tinha sido levado por traficantes em pagamento de dívida de drogas contraídas por IGOR.



A Lei 8.112/1990, em seu artigo 132, inciso IV, preceitua que será punida com demissão a conduta praticada por servidor público, se tipificada como improbidade administrativa.



Ora, os atos atentatórios da moralidade na Administração violam os fins superiores de atuação no serviço público e rendem ensejo, em nome do interesse coletivo, à punição dos servidores infratores pela autoridade administrativa competente, ao término de processo administrativo disciplinar em que respeitadas as garantias constitucionais e legais empenhadas aos acusados.



A bem desse diploma legal, não se tem notícia até hoje mesmo em termino de gestão, que a prefeitura tenha adotado medidas para dar uma transparência a comunidade.


Sobre o autor

O QUE DA NOTICIA (AOR OLIVEIRA)