OPINIÃO DE PRIMEIRA (SERGIO PIRES)


Bolivianos fecham novamente a fronteira + A reação de Daniel chega ao MP + A ponte só no fim de 2020? + Aparício construiu seu castelo

personOPINIÃO DE PRIMEIRA (SERGIO PIRES) date_range05 Nov 2019 - 06h01

Bolivianos fecham novamente a fronteira  + A reação de Daniel chega ao MP + A ponte só no fim de 2020? + Aparício construiu seu castelo - Gente de Opinião



BOLIVIANOS FECHAM NOVAMENTE A FRONTEIRA COM GUAJARÁ. SITUAÇÃO É CADA VEZ MAIS TENSA NO NOSSO VIZINHO



Guajará Mirim amanhece, nesta terça-feira, mais uma vez, isolada da Bolívia.  Não é só um transtorno, mas uma situação que afeta milhares de pessoas. Ao invés de diminuir, a crise dos nossos vizinhos continua cada vez mais forte. Desde a eleição de Evo Morales, para um quarto mandato, numa disputa contra Carlos Mesa, colocada sob suspeita de fraude, há cerca de 20 dias, a Bolívia vive dias de grande tensão e medo. Inclusive com risco de uma guerra civil entre partidários do Presidente e uma oposição cada vez mais indignada e exigindo um segundo turno. Mesmo que Morales já tenha sido declarado vencedor no primeiro turno, pela Justiça Eleitoral, opositores exigem agora que ele deixe o poder num prazo que termina nesta terça.  Caso isso não ocorra, a promessa é de endurecimento dos opositores, tanto aumentando os bloqueios que isolam cidades e regiões, como ameaçam tornar a violência ainda maior. Numa segunda-feira em que passou um enorme susto, porque o helicóptero em que viajava teve uma falha técnica e por pouco não espatifou-se ao chão (a perícia do piloto salvou o Presidente e outros tripulantes e passageiros), Morales denunciou a ameaça de um golpe de Estado e continua agarrado ao poder. Não há luz no fim do túnel para a crise que atinge a Bolívia que está dividida ao meio. Ela vive um confronto com uma força como raras vezes se viu, mesmo em outros confrontos do passado.



O Prefeito de Guajará, Cícero Noronha, esteve em Porto Velho, nesta segunda-feira,  participando de solenidade no palácio Rio Madeira/CPA. Foi lá que recebeu a informação de que a fronteira com Guayaramerim, na Bolívia, amanhecerá totalmente fechada. É a segunda vez em menos de uma  semana que isso acontece, causando enormes transtornos. A fronteira foi isolada na última quinta-feira e só reabriu na sexta, já na metade do dia. O Prefeito lamentou a instabilidade política no nosso vizinho, o que causa, obviamente, prejuízos para a economia da cidade que ele comanda. “Tudo isso afeta muito nossa relação comercial, humana e cultural com a Bolívia”. Noronha teme que a situação piore ainda mais, depois do ultimato de 48 horas que a oposição deu a Morales, para que ele deixe o Poder e aceite um segundo turno. A preocupação atinge os milhares de brasileiros que vivem no lado de lá da fronteira, entre os quais perto de 26 mil estudantes, a maioria tentando se tornar médicos. Na região de Guayaramerim os bloqueios são grandes. Mas piores mesmo são os de Riberalta para cima, em direção à Capital, La Paz. Dali em diante, nada e ninguém passam. Morales e seu governo socialista estão correndo grande risco, como nunca houve situação igual nos seus 16 anos de governo. Há um risco real de um confronto como jamais a Bolívia viveu. Enquanto isso, do lado de cá, só podemos torcer para que a negociação e o diálogo superem a brutalidade e a violência. Oremos, pois... 



A REAÇÃO DE DANIEL CHEGA AO MP



Deu no site Rondonia Dinâmica: “Que sejam buscados e apreendidos todos os celulares dos membros do Núcleo da Delegacia de Repressões a Ações  Criminosas, núcleo do interior da Draco 2, com sede em Cacoal, para que sejam periciados pela Polícia Federal, eis que o áudio que segue em anexo, direciona que foi extraído de um grupo de Whatsapp criado pelo referido núcleo, visando extrair todo o conteúdo da conversa”. Esse é apenas um dos textos na petição encaminhada pelo ex governador Daniel Pereira e seu advogado, Nelson Canedo, pedindo que o Ministério Público entre com toda a força nas investigações das gravações que teriam sido feitas por policiais, em relação à Operação Pau Oco. Daniel foi um dos investigados e teve inclusive sua casa revistada. No áudio sobre o tema, o delegado Júlio César Ferreira (a voz é dele, segundo testemunhas), teria dito que a operação foi eivada de erros e que o ex governador teria sido posto como investigado de forma injusta. Ou seja, Daniel agora começa a reagir contra aqueles que considerou seus algozes. Ele também pediu que o MP solicite ao Desembargador que tomou as decisões sobre a Pau Oco, baseado em informações falsas, segundo Daniel, cópia da escuta telefônica , com os respectivos áudios, para serem analisados. Um desses áudios, segundo a primeira gravação que teria origem numa mensagem do policial da Draco,  a seus colegas, nada tem a ver com a transcrição do texto lido pelo Desembargador, para autorizar prisões e a revista na residência do ex Governador. A coisa complica cada vez mais...



UMA ROTATÓRIA VIRTUAL NA RUA DA BEIRA



Uma obra do Dnit na confluência da avenida Rio Madeira com a Rua da Beira, do lado direito da BR 364, sentido de quem vem para o centro da Capital, está causando grande debate. Ali,  o Dnit está implantando uma rotatória, ainda não concluída, de forma que um trecho de mais ou menos 200 metros seja mão dupla. Ou seja, na rua da Beira, para encurtar o caminho de quem vem pela Rio Madeira para entrar no outro lado da BR, na Jatuarana, foi criada uma espécie de excrescência no trânsito, onde num pequeno trecho haverá pista dupla, enquanto no restante continuará sendo mão única. Uma confusão geral, que só quem anda no caótico trânsito da Capital pode compreender. A verdade é que a rotatória ainda não existe. Está apenas desenhada na pista. Mesmo assim, o novo sistema foi liberado ao tráfego. Grande perigo. Muito cuidado, quem andar por ali...



SAÚDE: A BATALHA PELO DINHEIRO DO DETRAN



Tem o dedo do deputado Laerte Gomes, o avanço que representou, para a saúde pública do Estado, a autorização do Tribunal de Contas do Estado para que o Detran libere parte dos seus recursos para esse setor vital à população rondoniense. Laerte lembrou que, na legislatura passada, ao saber que havia uma proibição do TCE no sentido de que haveria empecilhos para que recursos do Detran fossem enviados aos cofres da saúde, Laerte começou uma batalha no sentido de tentar mudar a situação. Reuniões começaram a ser feitas, consultas, debates, até que o próprio TCE, recentemente, analisou outra vez, com ainda mais profundidade o assunto e acabou mudando seu entendimento, liberando a  transação. A nova decisão, aliás, já foi até publicada. Agora, um Projeto de Lei de autoria do Executivo será enviada à Assembleia, já que há necessidade de aprovação do Parlamento, para que tudo seja efetivado. O Detran  já separou algo em torno de 60 milhões de reais para beneficiar a estrutura de saúde do Estado.



OS IMBECIS TOMAM CONTA DA INTERNET



A irresponsabilidade não tem limites. Chega às raias da loucura e do absurdo. É inacreditável como maus brasileiros, dominados pelo ódio, espalham Fake News, que percorrem as redes sociais com rapidez impressionante, inventando histórias, prevendo catástrofes e sugerindo que aqueles que não pensam  do mesmo jeito, estariam  se preparando para uma verdadeira guerra contra o Brasil. O último desses graves crimes se espalha como rastilho de pólvora. Idiotas estão anunciando que tão logo Lula seja libertado da cadeia, começará no país uma série de manifestações violentas, como as que ocorrem no Chile, para “incendiar” tudo, em protestos da esquerda. Gente sem vergonha, sem respeito, sem dignidade, continua espalhando essas porcarias, impunemente. Nossa democracia já demonstrou que pode conviver com prós e contras e que conseguiríamos sobreviver a radicalismos, se os houvesse. Será que não tem como colocar esses imbecis na cadeia, para que aprendam? 



A PONTE SÓ NO FIM DE 2020?



A notícia não poderia ser pior. Um especialista, que está por dentro de toda a situação da nova ponte sobre o rio Madeira, na Ponta da Abunã, deu uma informação que deixou indignados os que dela souberam. A obra, que já deveria ter sido entregue em agosto passado, terá que ser estendida em mais 400 metros, pelas mudanças no projeto original. Aumentará bastante o custo, porque essa ampliação representa uma gastança inesperada e, mesmo que se consiga todos os recursos necessários para a conclusão dos trabalhos, não há previsão em que a ponte seja entregue antes de perto do final de 2020. É de lamentar profundamente. Uma obra vital como essa para todo o norte; uma ponte que ligará o Acre ao resto do Brasil e nos levará ao Pacífico; um investimento que já superou os 180 milhões de reais, ainda pode demorar quase um ano para ser aberta ao tráfego. É incrível o que fazem com a gente, nesse país. Um projeto deste porte, mudado no meio do caminho, com necessidade de muito mais dinheiro, não se sabe quando ficará pronto. A única coisa que se pode ainda torcer é que a previsão do especialista esteja errada. Infelizmente, todos sabemos o que é que está errado nessa história.



ANEL VIÁRIO: AINDA O QUASE...



Mais de 20 anos depois e o Anel Viário de Ji-Paraná está....quase pronto! Isso mesmo. A obra, que começou no final da década de 90, está muito perto do final. Mas ainda faltam detalhes importantes. Um deles: a rótula de acesso, ligando à BR 364 ao Anel, não saiu do papel. Ela é vital para que todo o sistema esteja concluído e os motoristas possam acessar o atalho, que tira o tráfego pesado de dentro da cidade. O Anel Viário tem 13 quilômetros e meio de extensão e está muito perto do fim. Além do acesso ser concluído, falta também alguma sinalização e, de  grande importância, a iluminação do trecho. Aliás, a falta de energia em parte da extensão é outro sério problema. Empresas que querem se instalar na área só poderão fazê-lo quando houver energia em abundância. Por enquanto, não se sabe quando ela será instalada. Não há ainda previsão de quando a obra será totalmente concluída e inaugurada.



APARÍCIO CONSTRUIU SEU CASTELO



“Quando eu era criança, sonhava em construir um castelo. Consegui realizar meu sonho. Construí o castelo não para mim, mas para tanta gente que hoje usufrui dele”. As palavras são do médico e empresário Aparício Carvalho, diretor da Fimca, hoje uma das mais importantes faculdades privadas de toda a região norte do país. Milhares de jovens vivem no sonho tornado realidade por Aparício, nos inúmeros cursos que a Fimca oferece. Nessa segunda, recebendo grande número de convidados, acompanhado por sua esposa, dona Maria Sílvia pelos filhos Mariana e Maurício Carvalho, ele inaugurou novas salas, novos equipamentos e a ampliação de prédios que ajudam a transformar a Fimca numa das mais importantes organizações universitárias da região e que pode ser comparada a qualquer outra, congênere, no país inteiro.



PERGUNTINHA



Você acha que o presidente Jair Bolsonaro tem razão ou está exagerando quando faz pesados discursos contra a forma como a Rede Globo de Televisão está tratando a ele e ao seu governo?


Sobre o autor

OPINIÃO DE PRIMEIRA (SERGIO PIRES)

Colaborador do www.quenoticias.com.br: Sérgio Pires, experiente jornalista e que escreve a coluna OPINIÃO DE PRIMEIRA no jornal Estadão do Norte. Atua também na TV Candelária, onde apresenta aos sábados o programa Candelária em Debate e diariamente o "PAPO DE REDAÇÃO" na rádio Parecis FM. Contato através e-mail: ibanezpvh@yahoo.com.br / celular: 81 24 24 24