JABURU DIRETO AO ASSUNTO


E a semana começou fervendo. Enquanto Bolsonaro sobe, secretários municipais de Ariquemes caem.

personJABURU DIRETO AO ASSUNTO date_range17 Set 2018 - 15h51 location_on06/02/2016

1 – E corre a boca solta que o Secretário Municipal de Saúde pediu demissão.



Se a saúde municipal está ruim, que diga o caixa da prefeitura!



2 Nada de obra!



E as promessas do MDB? E o hospital? E a Br364 no buraco?



3 – E a dança das cadeiras no palácio tupiniquim chega nos delegas da prefeitura.



Planejamento também pode deixar a cadeira. Caiu, subiu? Vai pra onde?



4 – Véspera de eleição! Pode ser um toma lá da cá?



Nada ainda certo. E diz o ditado! --- Melhor um passarinho na mão do que dois voando.



5 – E o Lula na cadeia não vai ser candidato a presidente. Agora é o Haddad.



Demorou pra chegar. E chegou já sendo moído. JN, Globo nunca mais.



6 – Respondeu pouco, enrolou muito.



E o Palácio do Planalto vai ficando distante. Haddad que o diga!



7 – E os outros?



O Ciro precisa inventar outra. “Quem quer dinheiro” não colou. Alkimim com o seu projeto já pronto, todo mundo também já viu a corrupção, o esquema já pronto. A Marina despencou e não para ladeira abaixo. Álvaro Dias e Amoedo, estão parecendo sorvete, Kibon, todos gostam, mas ninguém leva pra casa. O restante se atropela no 1% (um por cento).



8 – E Haddad, o filho do PT que já nasceu natimorto.



O Lula não vai transferir voto. A “esquerda” fundamentalista não vai conseguir transferir voto. A “esquerda” oportunista não vai nadar e morrer na praia. E o baixo clero que não é nem esquerda e nem direita, mas muito esperto, já está em cima do muro há tempos, vai pular pro lado que vai ganhar. De graça, mas vai!



9 – E enquanto o FHC, lá dos seus quase 90 anos, ainda lucido, de mulher nova, pensa!



E esbraveja! PQP! Bolsonaro ultrapassando 33% dos votos. O Haddad massacrado na tevê. A Gleise, a amante, faz comício que nem mosca aparece. O fórum de São Paulo indo pro saco! O cara da faca ainda não falou. O Palocci entregou mais! Aí, meu amigo, o certo é que a eleição acaba e a lava jato não! Salve se quem puder!



Participe.



10 – Esta coluna é escrita com a participação de várias pessoas e Você poderá participar e contribuir enviando e-mail para: jaburu.ro@gmail.com



11 – Envie sua observação, crítica, matéria, sugestão, pauta, direito de resposta, etc, em até quatro linhas.


Sobre o autor

JABURU DIRETO AO ASSUNTO

Chegou 2016. E aí rei da cocada? E aí autoridades? 1 – Ano de eleição. Não fez, não fez! Político promessa é igual produto ruim. Experimenta-se somente uma vez. 2 – E aí a propaganda? Prometeu. Mentiu. Não fez. Não cumpriu. Enganou. Difícil apagar da mente. Não adianta gastar a grana do povo. Tirar foto com fotoshop. Vai ter que tirar do ar. Os da lei mandaram! 3 – E tem mais! Aguenta a oposição mostrando e reprisando as notícias das promessas e das maracutaias. 4 – E as maracutaias “novas”? Tem muita gente calada. Por conveniência. Muda nunca! Amordaçada muito menos! E roubo não se esconde e muito menos se esquece. Os caminhos ficaram marcados e o pior, documentados. 5 – Tá tudo scaneado e filmado. E haja sacanagem! Como diz o caipira. “Na roça tem hora pra tudo!”. “Pra cume, pra bebe, pra trabaia, pra caga e pra fala mar dosoutros”. 6 – E a elite está preocupada. A tropa já está em campo avaliando suas empatias. 7 – Cidade e mente. Ambas pequenas. É assim! Querem vencer pela empatia e pelo poder. Tudo no interesse próprio. 8 – E a elite mostrando --- o ruim que “gostam” e o bom que não os “serve”. O município se desenvolve, mas as cabeças dominantes são permanentemente contaminadas, agora pelo Zika Vírus. “E a Cidade faz a sua metamorfose atropelada e empurrada pela população, mas continua o berço da elite dos homens de cabeça pequena”. --- Praga que resiste ao tempo. Participe. 9 – Esta coluna é escrita com a participação de várias pessoas e Você poderá participar e contribuir enviando e-mail para: jaburu.ro@gmail.com 10 – Envie sua observação, crítica, matéria, sugestão, pauta, direito de resposta, etc, em até quatro linhas.