RD POLITICA ( WC e redação)


Quando o bom senso é deixado de lado, bastidores da política movimentados, o exagero das custas cartoriais

personRD POLITICA ( WC e redação) date_range18 Abr 2018 - 06h29

Exagero – A disposição e o compromisso com o trabalho sempre foram virtudes do governador Daniel Pereira (PSB). Não há como negar. Mas há certas ações que ultrapassam os limites. Na segunda-feira (16) constava na agenda do governador a participação na sessão ordinária na Câmara Municipal de Cerejeiras para “apresentação de requerimento de solicitação de asfaltamento da cidade” a pedido do vereador Pedro Sanches (MDB). É um exagero, falta de bom senso. São quase 600 km, além de toda a estrutura governamental, que é necessária. É o fim da rosca...



Convenções – A definição dos candidatos ao governo do Estado, as duas vagas ao Senado, as oito da Câmara Federal e as 24 da Assembleia Legislativa ocorrerá somente no período de 20 de julho a 5 de agosto, quando serão realizadas as convenções partidárias. Faltam pouco mais de 3 meses para as convenções, mas já é possível notar movimentação intensa entre os membros de diretórios em busca de parcerias.



Reuniões – Hoje o PP (senador Ivo Cassol) e o PSDB (leia-se ex-senador Expedito Júnior) estiveram reunidos em Porto Velho. Certamente o assunto da pauta foi as eleições deste ano. Na última semana a presidente do diretório regional, deputada federal Mariana Carvalho, em reunião realizada em Vilhena, teria dado prazo até amanhã (18) para Expedito formalizar sua pré-candidatura ao Senado, porque ela pretende disputar o governo do Estado.



Deputado – O advogado Walter Silvano está animado e disposto e enfrentar as urnas em outubro próximo. Fiel escudeiro do ex-governador, senador, deputado estadual constituinte e prefeito José Bianco, que não concorrerá às eleições deste ano, Walter tem experiência suficiente para entrar na disputa de uma das vagas à Assembleia Legislativa, pelo DEM. Waltão já passou pelo governo do Estado (Bianco) e dirigiu o Iperon onde deixou ótima folha de bons serviços prestados.



Violência – Governo do Estado e prefeituras devem juntar forças para enfrentar a crescente e perigosa onda de violência. Em Porto Velho ocorrem diariamente mortes sem que os assassinos sejam presos. Os assaltos e roubos estão aumentando de forma assustadora sem que os organismos policiais consigam frear a violência. E ainda tem o trânsito, violento, desorganizado, mal sinalizado e fiscalizado, onde os motoqueiros contribuem para aumentar o número de acidentes.



Respigo



Por que uma averbação em cartório custa quase R$ 200 em Porto Velho? Por que qualquer registro, qualquer escritura custa acima de R$ 3 mil? +++ Onde estão nossos órgãos fiscalizadores. Como um assalariado pode escriturar uma casa, um terreno, uma propriedade? Quem esteve na Assembleia Legislativa (Ale) na última segunda-feira foi o senador Acir Gurgacz |(PDT-RO), pré-candidato ao governo do Estado. Acir participou de uma solenidade em homenagem a um programa (Você é show) da Rede TV! Rondônia e manteve contato com deputados, dentre eles o tio, Airton Gurgacz (PDT/Ji-Paraná) +++ A ex-senadora Fátima Cleide, que é considerada a “Mãe” da transposição dos servidores de Rondônia para os quadros da União se prepara para concorrer às eleições de outubro próximo. Ela tem apoio dentro do partido para disputar a uma das duas vagas ao Senado.



Autor / Fonte: Waldir Costa / Rondônia Dinâmica


Sobre o autor

RD POLITICA ( WC e redação)