O QUE DA NOTICIA (AOR OLIVEIRA)


SOCORRO! SOCORRO! PREFEITO THIAGO PRECISA DE CILINDRO DE OXIGÊNIO

personO QUE DA NOTICIA (AOR OLIVEIRA) date_range09 Jan 2019 - 15h15 location_onARIQUEMES

O Prefeito Thiago Flores (PSL), precisa de oxigênio e combustão para conseguir se reeleger. Bom, oxigênio tem na UPA e no Hospital Regional, ou melhor, na fabrica aos fundos do Hospital da Criança já  combustão é mais difícil de se encontrar, até porque em dois anos de administração indo para o terceiro a comunidade ariquemense ainda não viu nenhum feito que marcasse os descalabros dias nefastos de uma pelega administração.



A continuar como está não tem oxigênio que levante um falecido gestor sem obras, customizado de perseguição a prova está a Rainha da Senzala; é uma serie de fatores que se colocam entre o cilindro e a narina do alcaide.   



ERROU



A enquete feita pelo vendedor de ilusão no facebook a respeito do nome do Teatro está totalmente errado. Na verdade deveria ser chamado de (teatro 25 milhões).



O ATAQUE EM ARIQUEMES



Um menor de 14 anos foi apreendido por ser suspeito de ter praticado o ataque semana passada ao patrimônio público.



Resta a agora a policia informar a sociedade quem está por trás desse menor. Quem é o mandante e, mentor do ataque.



VALEU INSISTIR



Este escriba foi o único da imprensa de Ariquemes a se pronunciar e denunciar o aumento abusivo na tarifa de água no valor de 10,05%. Falou por varias vezes, estrebuchou, até que conseguiu convencer o Vereador Rafael É o Fera, a protocolar um oficio junto a OAB, PROCON e MINITÉRIO PÚBLICO, a insistência do escriba veio hoje coroada de êxito e um serviço prestado a comunidade de Ariquemes por meio da manifestação da a AMR em nota pública, veja a nota:  



“NOTA PÚBLICA 001/2019-AMR



A Agência Municipal de Regulação vem através desta informar a população de Ariquemes que o Reajuste Tarifário anual de 10,05% da taxa de água está SUSPENSO, logo não passará a ter vigência em 14/01/2019 como publicado em dezembro/2018 pela empresa Águas de Ariquemes.



No mês de novembro de 2018 houve a posse da nova Diretoria Executiva da Agência Reguladora, assumindo cargo de Diretora Presidente a Sra. Simone Costa, Diretor Técnico Operacional o Sr. Cesar Vecchi de Carvalho Ferreira e Diretora Administrativa Financeira a Sra. Clediane de Souza Cerqueira, logo a equipe vem fazendo um levantamento geral sobre a prestação de serviços pela concessionária.



A concessionária Águas de Ariquemes havia protocolado na Agência em 17/10/2018, o 2° reajuste tarifário anual, que mesmo amparado pela legalidade, uma vez que há previsão na Lei Federal 11.445/2007, Lei 8987/2005 além do Contrato 194/16 celebrado em 28 de abril do ano de 2016 pela gestão anterior e a empresa Águas de Ariquemes, foi suspenso em 08/01/2019.



O índice utilizado para o reajuste é o IGPM nos termos da Cláusula 16° do Contrato 194/2016, que visa preservar o valor econômico da tarifa em face da inflação geral de preços da economia, além da variação dos custos de produção, mantendo assim o valor da moeda perante os efeitos inflacionários.



A Agência Municipal de Regulação, levando em consideração a nova direção da Agência Reguladora e principalmente as inúmeras reclamações realizadas pela população do município de Ariquemes, Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores e canais de TV, sobre os serviços prestados pela concessionária, no que tange a qualidade e prazos dos serviços, está analisando os cálculos do reajuste juntamente com os trabalhos realizados pela concessionária, quanto ao cumprimento de metas e programas, conforme o contrato de concessão e seus anexos.



Assim, após reunião realizada ontem dia 08/01/2019 as 10:00h, entre a Prefeitura Municipal de Ariquemes, Agência Municipal de Regulação e a concessionária Águas de Ariquemes, tendo em vista os últimos eventos ocorridos na prestação de serviços, a pedido da AMR e Prefeitura Municipal, a concessionária suspenderá a aplicação do 2° Reajuste Tarifário Anual que estava previsto para ser lançado nas faturas dos usuários em 14/01/2019.



OBS: A Nota Oficial foi publicada hoje no Diário oficial dos Municípios”.


Sobre o autor

O QUE DA NOTICIA (AOR OLIVEIRA)