Esporte

Bellator 226: Com anticlímax, Ryan Bader e Cheick Kongo fica ‘sem resultado’ após dedada acidental

A luta principal terminou ‘sem resultado’ após Cheick Kongo sofrer uma dedada em seu olho esquerdo


bookmark_borderQUENOTICIASESPORTES date_range08 Set 2019 - 07h02 personBLOG DO FOX FIGHT CLUB

Na noite deste sábado (07), os fãs na Califórnia viram mais uma grande evento do Bellator. A edição do Belaltor 226 teve grandes combates do GP dos Penas, porém, em sua luta principal o desfecho acabou em anticlímax.



 











 


SEM RESULTADO!



Após dedada no olho acidental de Ryan Bader em Cheick Kongo. O combate que ficou 'sem resultado'.











Vídeo incorporado


























 



 



Dedada no olho deixa luta ‘sem resultado’



Na luta principal do Bellator 226, Ryan Bader e Cheick Kongo tiveram um desfecho bem desagradável. O campeão dos pesos-pesados deu uma dedada acidental no olho esquerdo do francês ainda no primeiro round.



 











 


MANDOU PARAR!



Com uma dedada de Ryan Bader no olho esquerdo de Cheick Kongo. O combate teve uma paralisação médica. Que clima, hein?











Vídeo incorporado


























 



 



Após o acidente, o médico ordenou que o combate foi encerrado, pois Kongo não teria condições de continuar lutando.

O combate foi declarado ‘sem resultado’, com isso o título dos pesados continua com Bader, mas o duelo não contou como defesa de cinturão.



Campos domina ex-campeão com facilidade



O combate começou com Daniel Straus indo ao chão após dar um chute em Derek Campos. A partir daí o combate foi praticamente um monólogo de Campos no chão.



Mostrando bastante passividade e falta de jiu-jitsu, Daniel Straus foi dominando em todas as ações de Campos no solo.



 











 


Esse não sabe dar um katagatame!



Derek Campos teve todas as brechas para aplicar a finalização em Daniel Straus, mas não conseguiu. @ederreisfox e @DuduDantasMMA poderiam dar uma aula para ele, hein?











Vídeo incorporado


























 



 



Straus deu diversas brechas para ser finalizado no katagame, porém, Derek Campos não conseguiu de forma alguma encaixar o golpe no ex-campeão.



O segundo round foi do mesmo jeito do primeiro, mais um monólogo de Derek Campos no solo. Com diversas brechas para finalizar Straus, mas sem sucesso.



No último round, Daniel Straus foi quedado com muita facilidade e sendo dominado no chão.



Após três rounds, Derek Campos foi declarado vencedor por decisão unânime. Daniel Straus teve uma atuação irreconhecível, aparentado estar mal treinado, sem ritmo ou até mesmo se