Política

#Bolsolão indica risco de impeachment de Bolsonaro

A hashtag #Bolsolão está “implodindo” Jair Bolsonaro no Twitter e nas demais redes sociais, indicando que há risco concreto de impeachment no horizonte, escreve o jornalista Esmael Morais


bookmark_borderBRASIL POLITICA date_range19 Out 2019 - 07h33 personBRASIL 247

Por Esmael Moraes, em seu blog – O líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO), denunciou nesta sexta-feira (18) que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) tentou comprar deputados para removê-lo da liderança e substituí-lo por seu filho, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), cuja operação final deu errado.



 



Waldir minimizou a ameaça de implodir o presidente da República, em entrevista a jornalistas, após a convenção do PSL em Brasília, afirmando que ele se referia ao áudio do próprio Bolsonaro vazado ontem (17). Segundo o parlamentar, era uma clara tentativa de o presidente comprar deputados com cargos e controle partidário para quem votasse para seu filho na liderança.



A hashtag #Bolsolão está “implodindo” Jair Bolsonaro no Twitter e nas demais redes sociais, indicando que há risco concreto de impeachment no horizonte.



O deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), por exemplo, disse que irá protocolar um pedido de afastamento do presidente da República nos próximos dias. De acordo com o parlamentar que se elegeu no PSL, há elementos de sobra para o impendimento.



Na segunda-feira (21), todos os olhos se fixarão na entrevista da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), no Roda Viva. Ela foi defenestrada ontem da liderança do governo no Congresso Nacional. A ex-líder se queixa que foi avisada da “demissão” pela imprensa e, também, pode revelar ao vivo coisas da campanha de 2018 que deixariam até o “Véio da Havan” de cabelo em pé.



Portanto, #Bolsolão é primo-irmão do mensalão e sinônimo de impeachment.



Ou seja, o k-suco ainda vai ferver muito mais em Brasília.