Política

Bolsonaro quer tirar general do Ministério das Minas e Energia e substituí-lo por ministro de Temer


bookmark_borderBRASIL POLITICA date_range06 Dez 2019 - 04h56 personDCM

De Julio Wiziack e Gustavo Uribe na Folha de S.Paulo.



O Ministério de Minas e Energia deve passar por uma reforma que abrange a substituição do ministro Bento Albuquerque e também dos cargos de segundo escalão.



 



O ministério tem quatro secretarias (Óleo e Gás, Energia, Mineração e Planejamento) coordenadas pela secretaria-executiva.



A pressão pela troca chegou ao presidente Jair Bolsonaro e parte de várias frentes.




 



Entre parlamentares, há uma disputa pelo comando do ministério. O nome mais forte, no momento, é o do deputado federal Fernando Coelho Filho (DEM-PE), ex-ministro da pasta no governo de Michel Temer.



(…)