QUENOTICIAS E REGIÕES

CUJUBIM: Mabelino despreza Banheiro com acessibilidade para servir como deposito na Câmara de Vereadores


bookmark_borderCUJUBIM POLITICA date_range04 Mai 2020 - 15h39 personDIÁRIO POPULAR/RO

Um banheiro com acessibilidade que deveria ser cuidado, zelado e exclusivo para uso de pessoas deficientes, hoje com Mabelino Munari na presidência é usado para deposito de materiais de higiene, e galões de Água mineral. 



A Câmara de Vereadores onde tem como presidente sr. Mabelino Munari hoje estando no Partido “Podemos” juntamente com apoio funcional do servidor comissionado ex-vereador Paulo Dartiba que demonstram profundo relaxo e desrespeito para com pessoas cadeirantes que precisam de banheiros com acessibilidades.



De acordo com a publicação no site Diário Popular Rondonia, Mabelino Munari que nessa cogitação política se despôs a ser Pré-Candidato a Prefeito pelo Podemos nas eleições que ocorrem este ano, tendo como filiados recentemente os Vereadores Haroldo Figueiredo e Serjão do Américo Ventura e com assessoria por de trás dos bastidores o então Ex-Vereador Paulo Dartiba.



Dartiba ficou muito conhecido devido a vários envolvimentos em escândalos em 2014, onde circularam pelas redes sociais inúmeras gravações requerendo maior influência política na Casa de Leis, Paulo ficou com dor de cotovelos quanto a falta de reconhecimento do grupo AMORIM frente ao Poder executivo em 2013-2014.



Mabelino garante que com esse grupo e o seu desleixo na presidência do Legislativo conquistar a maior parte do eleitorado Cujubiense, claro ficando a critério desse público aceitar ou não esse interesse do GRUPO MABELINO e CIA.

A falta de atenção no Banheiro Público na Câmara de Vereadores pode atrair pontos negativos a seus interesses ambiciosos incluindo seu grupo como principal integrante Paulo Dartiba, que atualmente atua como SECRETÁRIO GERAL custando aos cofres públicos mais de $32 mil por ano.



Nossa reportagem tentou contato com o Presidente e envolvidos, porém sem êxito, no entanto aguarda retorno e abre espaço para que possam apresentar suas versões quanto a matéria hora expostas. 



As informações levantada nesta redação tem caráter informativo, temos o dever de informar, assim sendo imparcial, deixando para as figuras pública a qual introduzida em nossas reportagem o direito de resposta. 











Fonte: DiáriopopularRO