Religião

Intolerância: Fascistas tentam impedir missa em homenagem ao dia da consciência negra no Rio

Com homens vestindo terno e mulheres de véu, grupo de cerca de 20 pessoas tentou impedir celebração realizada há 15 anos na Igreja Sagrado Coração de Jesus, na zona Sul do Rio de Janeiro


bookmark_borderRELIGIÃO E FÉ date_range21 Nov 2019 - 05h24 personREVISTA FÓRUM

Um grupo de fascistas ligados a um movimento ultraconservador católico tentou impedir na noite desta quatra-feira (20) a realização de uma missa africana para celebração do Dia da Consciência Negra na Igreja do Sagrado Coração de Jesus, na Glória, Zona Sul do Rio.



A missa, realizada há 15 anos, tem cantos afros e toque de atabaques para celebrar o sincretismo de religiões de matrizes africanas e católica.





 


Segundo informações do jornal O Globo, cerca de 20 pessoas, que incluiam homens de terno e mulhes de véu, tentaram impedir o padre de começar a missa.



A missa aconteceu, mas o grupo permaneceu na igreja, filmando a cerimônia. A confusão teria acontecido no final da celebração.



Policiais do 2º BPM foram chamados ao local e três homens do grupo que tentou impedir a missa foram conduzidos à 9ª DP (Catete).





Assista ao trecho da missa