Internacional

Maduro toma posse na Venezuela; OEA declara que governo é ilegítimo

Maduro foi eleito sob acusação de fraudes


bookmark_borderPOLITICA INTERNACIONAL date_range10 Jan 2019 - 13h58 personJOVEM PAN

A OEA, Organização dos Estados Americanos, publicou nesta quinta-feira (10) uma declaração conjunta, assinada pelos países integrantes, em que afirma que não reconhece o novo mandato de Nicolás Maduro como presidente da Venezuela. Ele tomou posse nesta quinta sob duras críticas e deve ficar no poder até 2025.



A decisão foi tomada em reunião extraordinária do Conselho Permanente da OEA. O encontro tinha como único objetivo discutir as implicações da posse de Maduro e da crise venezuelana. Em sua conta no Twitter, o secretário-geral da organização, Luís Almagro, falou sobre a decisão. “Saudamos o compromisso dos países das Américas reconhecendo como ilegítimo o regime de Nicolás Maduro. O povo da Venezuela não está sozinho, seguimos trabalhando para recuperar a democracia, os direitos e as liberdades de todos”, escreveu.



 











 


Saludamos el compromiso de los países de las Américas desconociendo al ilegítimo régimen de @NicolasMaduro. El pueblo de no está solo, seguimos trabajando xa recuperar la democracia, los derechos y libertades de tod@s