QUENOTICIAS E REGIÕES

Na cidade do Jerico vice-prefeito conseguiu oito diárias em 2018 e teve uma de R$ 4.190,30


bookmark_borderARIQUEMES POLITICA date_range01 Dez 2018 - 07h01 personOOBSERVADOR

Porto Velho, RO – O jornal O OBSERVADOR está fazendo um levantamento das diárias que são concedidas para vereadores, prefeitos e servidores públicos nas prefeituras e câmaras de vereadores do estado de Rondônia.



Segundo dados do Portal Transparência da  prefeitura de Alto Paraíso cidade concedeu a sua prefeita e servidores um total de 207 diárias até o dia 30 de novembro de 2018, tendo diárias que chegaram ao valor de R$ 4.190,30 ao vice-prefeito Valmir dos Santos no dia 16 de fevereiro para viajar a capital federal Brasília.



O objetivo das Diárias foram para protocolar ofícios aos gabinetes de deputados federais, senadores, angariar recursos através de emendas parlamentares e regularizar pendências junto aos ministérios da Educação, saúde e outros órgãos no período de 18 a 23 de fevereiro.



Valmir dos Santos no ano de 2018 conseguiu num total de oito diárias para viajar a serviço da prefeitura de Alto Paraíso para Brasília, Porto Velho e outras localidades.



A CIDADE

Alto Paraíso é um município brasileiro do estado de Rondônia. Surgiu como núcleo urbano de apoio rural (NUAR) do projeto de assentamento Marechal Dutra. Os primeiros colonizadores da região subiram uma elevação e descobriram uma paisagem exuberante e indescritível que lhes dava a impressão de ser o paraíso prometido. Daí teria surgido o nome que denominava um paraíso existente num lugar alto.



CORRIDA DE JERICOS

A cidade de Alto Paraíso é famosa por ter a “Corrida de Jericos” todos os anos, desde 2002, acontece a tradicional Corrida de Jericos Motorizados, maiormente no mês de Fevereiro junto com as festividades do aniversário da cidade, atraindo milhares de pessoas do Brasil e do mundo, sendo considerada a maior festa do interior do estado.



A Corrida de Jericos acontece na época das chuvas na região e por esse motivo a festa é realizada em meio à muita lama, fazendo com que muita gente volte pra casa completamente enlameado. Como a cidade possui poucos hotéis, a maioria dos visitantes dorme em barracas por toda a cidade.



A corrida impulsiona a economia da cidade, já que muitos moradores alugam suas casas por até 1 semana para os visitantes enquanto, na casa de amigos, esperam a festa acabar. Isso sem contar o faturamento do comércio local, já que em algumas vezes a festa já atraiu ao redor de 50 mil visitantes.



Confira abaixo todas as 2017 diárias concedidas pelo município: