Internacional

Nova pesquisa eleitoral mostra Joe Biden com 8 pontos à frente de Donald Trump

O candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, segue na liderança na corrida presidencial nos Estados Unidos. Segundo pesquisa realizada pelo Wall Street Journal e NBC News, cerca de 51% dos eleitores votariam em Biden se a eleição fosse hoje, contra 43% que apoiariam Trump


bookmark_borderPOLÍTICA INTERNACIONAL date_range21 Set 2020 - 09h28 personBRASIL 247

247 - O candidato democrata à Presidência da República dos Estados Unidos mantém vantagem sobre o Donald Trump, candidato à reeleição.



 



A vantagem de oito pontos porcentuais foi semelhante à da pesquisa do mês passado, de 9 pontos porcentuais. Em julho, a diferença entre os dois candidatos era de 11 pontos. Biden vem liderando as pesquisas de intenção de voto por seis pontos ou mais ao longo de todo o ano, informa O Estado de S.Paulo.



A pesquisa foi feita com mil eleitores entre 13 e 16 de setembro. O primeiro debate está marcado para 29 de setembro.



Por ora, a maioria dos eleitores diz estar decidida sobre suas escolhas, com mais de 70% afirmando que os debates terão pouco importância para eles, incluindo 44% que dizem que não influenciarão em nada sua escolha, um recorde desde 2000. 



A atenção para a campanha já estava em um nível recorde antes da batalha esperada para substituir a juíza da Suprema Corte Ruth Bader Ginsburg, que morreu na última sexta-feira. Um recorde de 75% dos eleitores da pesquisa classificou seu interesse na eleição em 10, em uma escala de 10 pontos.



Apesar de Trump continuar perdendo na pesquisa nacional, a pesquisa mostrou que ele carrega algumas vantagens para as semanas finais. Eleitores continuam a vê-lo como mais adequado do que Biden para administrar a economia - 48% a favor de Trump, contra 38% de Biden - ainda que a pandemia tenha deixado milhões de desempregados. Trump vem atraindo republicanos que dizem que apoiam o próprio partido mais do que o presidente, e tem uma base de eleitores mais entusiasmada, conforme a pesquisa. 



Embora os eleitores vejam Trump como melhor administrador da economia, cada vez mais o veem como a opção mais fraca para lidar com a pandemia do coronavírus. Dos eleitores, 51% consideram, Biden melhor candidato para controlar o surto, ante 29% que apontam Trump para a tarefa - diferença de 22 pontos, ante 11 pontos em junho. Trump tem enfrentado críticas por minimizar a ameaça enquanto pressiona para reabrir a economia.