Policial

PF mira trabalho escravo na região metropolitana de Porto Alegre

A ação realizada tem por objetivo a coleta de provas para a instrução do inquérito policial.


bookmark_borderCASOS DE POLICIA date_range29 Out 2020 - 16h44 personREDAÇÃO RENOVA MÍDIA

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta quinta-feira (29), a operação “Alforria”, com objetivo de combater o trabalho escravo no Rio Grande do Sul.



 



Três mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos pela PF. 



Enquanto isso, auditores-fiscais do trabalho fiscalizam estabelecimentos, nos municípios gaúchos de Dois Irmãos Morro Reuter.



De acordo com as investigações, três cidadãos da Venezuela estariam trabalhando em condições análogas ao trabalho escravo.



Diligências realizadas possibilitaram a localização do imigrante venezuelano, que, em depoimento à PF, confirmou as informações.



O imigrante relatou ter sofrido ameaças e agressões, além de não receber salário. Ele também indicou mais duas possíveis vítimas, também venezuelanas.