Atacantes da Seleção! Compare os números de Endrick e Gabriel Jesus no Palmeiras

21 de novembro de 2023 69

Revelados pelo Palmeiras, Endrick e Gabriel Jesus hoje são companheiros na Seleção Brasileira. Nesta terça-feira (21), contra a Argentina, a expectativa é que Jesus seja titular na vaga deixada por Vini Jr, lesionado, mas o técnico Fernando Diniz terá o jovem palmeirense no banco de reservas como reserva imediato do jogador do Arsenal.

Considerado grande promessa do futebol brasileiro, Endrick estreou pelo profissional do Verdão no dia 6 de outubro de 2022, aos 16 anos de idade, em duelo contra o Coritiba, pelo Brasileirão. De lá para cá, o jovem participou de 56 jogos, marcou 15 gols e distribuiu duas assistências, além de ter feito parte da campanha de título do Campeonato Brasileiro do ano passado.

Quando Gabriel estreou pelo time principal do Palmeiras, no dia 7 de março de 2015, diante do Bragantino, ele estava prestes a completar 18 anos, praticamente dois anos mais velho do que Endrick na mesma condição. O atacante era um grande goleador na base e vinha sendo pedido pela torcida desde sua atuação na Copinha daquele ano, quando passou a ser relacionado.

Pelo profissional, Jesus somou 54 partidas, 21 gols e seis assistências - números relativamente parecidos com os de Endrick. Assim como o camisa 9 alviverde, Gabriel também teve participação em campanhas de títulos: o Brasileirão de 2016 e a Copa do Brasil de 2015. O atacante encerrou sua trajetória com a camisa alviverde em 2017, quando foi para o Manchester City.

Nesta temporada, caso o Palmeiras seja campeão brasileiro, Endrick poderá adicionar mais uma conquista à sua curta carreira, e dessa vez como protagonista. Vale lembrar que a joia palmeirense irá para o Real Madrid em julho de 2024, quando completa 18 anos. O clube espanhol pagou 72 milhões de euros ao Palmeiras, sendo que 25 milhões de euros são previstos em bônus.

Endrick - Botafogo 3x4 Palmeiras

Endrick marcou quatro gols nos últimos quatro jogos do Palmeiras (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

SELEÇÃO BRASILEIRA

Crias da Academia, Endrick e Gabriel Jesus são as opções de Fernando Diniz para o ataque da Seleção Brasileira. Com a lesão de Neymar e Vini Jr, Jesus, que reassumiu a camisa 9, deve iniciar a partida diante da Argentina tendo a joia palmeirense como seu reserva imediato no banco de reservas - a expectativa é que o jovem receba alguns minutos ao decorrer do duelo.

Pelo Brasil sub-17, Endrick marcou cinco gols em quatro jogos disputados. E justamente por estar vivendo ótimo momento no Palmeiras, sendo um dos principais responsáveis pela sequência positiva e a liderança do time no Brasileirão, foi convocado pela primeira vez à Seleção principal nesta Data Fifa. Na derrota para a Colômbia, ele entrou aos 35 minutos do segundo tempo, no lugar de Raphinha.

Jesus estreou pela Seleção principal no dia 1º de setembro de 2016, aos 19 anos. Desde então, o atacante do Arsenal disputou 63 partidas e marcou 19 gols defendendo a Amarelinha. Na Copa de 2018 na Rússia, Gabriel foi titular nos cinco jogos do Brasil, mas passou em branco. Em 2022, um novo trauma: foi cortado ainda na fase de grupos devido a uma lesão no joelho direito - passando por cirurgia e ficando fora dos gramados por três meses.

Apesar das adversidades, nunca faltou confiança em relação ao jogador, que receberá grande oportunidade nesta terça (30) contra a Argentina, pela sexta rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2026. A bola rola às 21h30 (de Brasília), no Maracanã.