Cabeceira rachada na ponte em Alto Paraíso poderá cair de vez quando o nível do rio baixar, se nada for feito

2 de abril de 2024 29

O deputado Camargo, é claro, aproveitou o momento para tentar aparecer, e aparentemente ainda tirou onda com o sofrimento dos moradores, dizendo em aparente tom de ironia que parece mentira de primeiro de abril, mas não é

O governador Marcos Rocha confiou no trabalho de sua equipe, participando de uma grande festa durante a inauguração da ponte sobre o rio Jamari, na RO-459, em Alto Paraíso, no final de janeiro. Agora, imagens mostram que uma das cabeceiras da ponte rachou. Engenheiros ouvidos pelo blog explicam que, se nada for feito, a tendência é que a parte rachada seja levada de vez quando o nível do rio baixar.

Não haveria problema algum na estrutura da ponte, que foi construída pela empresa que venceu a licitação. Ocorre que possivelmente houve um erro de execução na base das cabeceiras, e com isso o terreno cedeu. Esse trabalho foi executado pelo DER. Aparentemente o aterro não teria sido feito como deveria, por isso a cabeceira não resistiu à infiltração de água.

O blog apurou que a situação se complicou, com o governador cobrando providências imediatas, para que a população não seja penalizada. Cá entre nós, dá medo de passar pelo local.

Oposição

Enquanto isso a oposição deita e rola. O deputado Delegado Camargo (Republicanos), por exemplo, gravou um vídeo aparentemente irônico, dizendo que “parece mentira de primeiro de abril, mas não é”. Aparentemente, na vontade de criticar o governo, ele não percebe que está tirando onda com o sofrimento de quem precisa passar pela ponte. O link do material no perfil dele no Instagram é o seguinte:

Em um outro vídeo em seu perfil no Instagram, Delegado Camargo fala de uma operação tapa buracos que está sendo feita pelo governo na RO-459, entre a ponte do rio Jamari e o município de Alto Paraíso. Ele diz que fez uma indicação ao DER para que isso acontecesse, e alega que estava fiscalizando o trabalho. Se isso é verdade, resta saber porque ele não fiscalizou a obra do DER na cabeceira da ponte. Era pertinho. Olha o vídeo no Instagram dele:

Rodrigo Camargo aparenta ser daqueles políticos que gostam de criticar, mas não costumam olhar para o próprio rabo. Até agora ele ainda não explicou a situação causada pela nomeação de Edvaldo Carlos Pereira em seu gabinete, com salário de R$ 6.355,01. Edvaldo é pai do ex-vereador de Ariquemes, Rafael é o Fera, e segundo circula em grupo de WhatsApp, não cumpre expediente, pois em horário em que deveria estar trabalhado para Camargo é visto comprando cerveja para o forró que seria de sua propriedade.

Recentemente começou a circular um vídeo, onde aparece Fera pai de bermuda, calibrando os pneus de um veículo em horário em que deveria estar no gabinete ou no escritório do deputado Camargo. Uma voz identifica Fera pai, diz que são 10h15, e pergunta se ele não deveria estar trabalhando naquele horário.

Camargo ainda diz que alertou para o caso da ponte. Realmente, o deputado geralmente alerta para muitas coisas. De vez em quando ele acerta uma.

Fonte: SALINANILT