Lenha na Fogueira com a “A Fina Flor do Samba” e Beto Cezar e o Grupo Doce Melodia

19 de julho de 2021 34

A festa do samba no Mercado Cultural no final de semana.  

************

A comunidade sambista de Porto Velho, se encontrou no final da semana que que terminou ontem dia 16   no Mercado Cultural numa programação que começou sexta-feira, com a apresentação do Poeta da Cidade Ernesto Melo e a Fina Flor do Samba, durante o show Ernesto convidou o compositor Silvio Santos a subir ao palco e apresentar seu trabalho musical autoral e logo depois foi a vez do convidado especial da noite, o interprete Cezar Coimbra que cantou e encantou a plateia por mais de uma hora de show.

************

O Grupo “A Fina Flor do Samba”, contou com os seguintes músicos: Ênio Melo (violão), Sandro Andrade (cavaquinho), Ênio Ricardo (rebolo), Chiquinho Lobo (pandeiro), Ítalo Coimbra (timbale e caxeta), Áureo (surdo) e Padoca (banjo).

**********

O espaço “Calçadão Manelão” do Mercado Cultural estava parcialmente lotado e o que foi mais legal, o público ficou até o fim da apresentação do nosso Poeta da Cidade – Ernesto Melo e a Fina Flor do Samba.

***********

Espinha de Pirarucu

***********

Chega o sábado e depois de uma manhã recheada de chorinho, que contou com show do Grupo “Espinha de Pirarucu” integrado pelos músicos: Walber (cavaquinho), Derival (violão de 7 cordas), Maurício Rodrigues (flauta transversal) e Marcus Dupan (percussão) que na realidade, preparou o público para receber:

 

***********

Beto Cezar e o Grupo Doce Melodia

BETO CEZAR - DOCE MELODIA - Gente de Opinião

BETO CEZAR - DOCE MELODIA

A feijoada começou ainda na base do som mecânico, porque o contrato do Beto Cezar diz que ele só começa a se apresentar, a partir das 13 horas e os sambistas cumpriram a exigência contratual e na hora marcado o show de samba começou.

************

A plateia foi ao delírio com a performance dos músicos do grupo Doce Melodia que tinha o Walber no Cavaco o Sandro Andrade no Violão, Bola no Surdo, Paulinho Santana no Rebolo, entre outros músicos.

**********

A cada samba os aplausos ecoavam dentro e fora do Mercado Cultural. Conforme o anunciado, Beto Cezar recebeu o primeiro convidado da tarde, o sambista, Cristóvão Nascimento que além de interpretar músicas autorais, fez uma seleção de clássicos do samba nacional e ao final de sua apresentação, Eu Silvio Santos subi ao palco e o entreguei com os devidos agradecimentos, um exemplar do CD SILVIO M. SANTOS -  60 ANOS DE MÚSICA AUTORAL.

***********

Claro que aproveitei a oportunidade e cantei algumas músicas que fazem parte do CD. Logo depois Beto Cezar voltou, cantou mais algumas músicas e convidou o cantor e cavaquinhista Louro Rodrigues para se apresentar o que ocorreu com o jovem sambista, interpretando um repertório mesclado de samba e pagode da atualidade.

**********

E o como diria Milton Carlos, “E o samba tomava conta da tarde de sábado” e o público não arredava o pé do Mercado Cultural.

***********

Era a vez de convidar o Emerson Falcão que assumiu o microfone e apresentou um grande espetáculo de samba e pagode.

************

A festa estava chegando ao fim, Beto Cezar reassume o comando e após interpretar algumas músicas de sua autoria e autores amigos, anuncia e já por volta das 18 horas, que Ele e o Doce Melodia estão indo para um novo espetáculo de samba.

***********

Desta feita, a roda de samba vai acontecer num ambiente que começou a funcionar na rua Calama, pertinho da Lauro Sodré no bairro da Olaria.

**********

E dessa vez, a letra da composição do Milton Carlos tem que ser apresentada na sua originalidade.

**********

“E o samba varava a madrugada” com Beto Cezar e o Grupo Doce Melodia. Valeu! 

 

CRISTOVÃO NASCIMENTO - DOCE MELODIA - Gente de Opinião

CRISTOVÃO NASCIMENTO - DOCE MELODIA

 

Fonte: ZECRATACA
LENHA NA FOGUEIRA (ZEKATRACA)

Colaborador do Que Notícias, ZEKATRACA é titular da coluna Lenha na Fogueira no jornal Diário da Amazônia. E-mail: zekatracasantos@gmail.com