Pastor é acusado de estuprar menino de 10 anos em Caps de Campo Grande

4 de agosto de 2022 35

Um homem de 57 anos, pastor e auxiliar de limpeza, é suspeito de estupro de vulnerávelA vítima é um menino de 10 anos e o crime teria ocorrido na segunda-feira, 1º de agosto, em um Centro de Atenção Psicossocial (Caps), em Campo Grande. No dia seguinte, o pai da criança procurou a polícia para denunciar o caso. 

De acordo com o registro policial, a criança disse à psiquiatra do Caps que o suspeito o perseguiu e passou pelo seu corpo no jardim e na sala de brinquedos do local. 

No registro, o pai foi questionado sobre a denúncia um dia após o crime e o mesmo informou que, somente nessa terça-feira (2), o filho ficou muito irritado e relatou a situação. 

A polícia compareceu ao Caps nesta quarta-feira (3) e, percebendo a movimentação policial, o suspeito fugiu do local. O homem foi identificado pelo sistema do Caps, como um funcionário de uma empresa terceirizada.

A secretaria municipal de Saúde (Sesau) informou estar ciente do ocorrido e estar tomando todas as providências cabíveis. De acordo com a Sesau, foi solicitado o afastamento imediato do funcionário e a substituição dele na unidade.

Investigação

O caso segue sendo investigado e conforme a delegada Anne Karine, titular da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), o suspeito já foi identificado. 

“O suspeito foi identificado, mas como não houve flagrante ainda não foi preso. Há toda uma investigação a ser realizada e assim imputar autoria”, informou a delegada.

Com G1

Fonte: ALAN ALEX
PAINEL POLITICO (ALAN ALEX)

Alan Alex Benvindo de Carvalho, é jornalista brasileiro, atuou profissionalmente na Rádio Clube Cidade FM, Rede Rondovisão, Rede Record, TV Allamanda e SBT. Trabalhou como assessor de imprensa na SEDUC/RO foi reporte do Diário da Amazônia e Folha de Rondônia é atual editor do site www.painelpolitico.com. É escritor e roteirista de Programas de Rádio e Televisão. .