Quem fica no lugar de Charles III em caso de afastamento para tratar câncer?

6 de fevereiro de 2024 57

A notícia do câncer do Rei Charles III foi o assunto desta segunda-feira, 5. O diagnóstico foi divulgado pelo Palácio de Buckingham, que anunciou que a doença foi detectada em fase inicial e que ele “continuará com seus serviços normalmente”. O câncer foi detectado durante uma cirurgia para tratamento de próstata aumentada. Apesar disso, fontes da “Reuters” afirmam que o tumor não se encontra na próstata. Com isso, especulações acerca de um possível sucessor do monarca tomaram conta da web.

Atualmente, a ordem de sucessão do trono inglês é determinada por descendentes diretos. Isso significa que o Príncipe William, filho de Charles e Lady Diana, será o próximo elegível ao trono.

Apesar disso, em caso de simples afastamento, o Rei deve delegar funções aos Conselheiros de Estado — grupo composto pela Rainha Camilla, esposa de Charles, William, seu primogênito, e Princesa Anne e Príncipe Edward, seus irmãos.

Previamente, o Príncipe Andrew, irmão de Charles, e o Príncipe Harry, segundo filho, também faziam parte do Conselho, mas foram afastados das funções reais — o primeiro, após denúncias de abuso sexual; o segundo, após romper com a Coroa durante seu casamento com Meghan Markle.

Vale lembrar que, caso o Príncipe William morra antes de Charles ou abdique o trono, os próximos na linha de sucessão são seus filhos George, Charlotte e Louis, seguidos por Harry e seus filhos, Archie e Lilibet.

Fonte: ISTOÉ