Senado dos EUA ratifica adesão de Suécia e Finlândia à Otan

4 de agosto de 2022 36

WASHINGTON, 4 AGO (ANSA) – O Senado dos Estados Unidos aprovou na noite desta quarta-feira (3) a entrada da Suécia e da Finlândia à Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan). A medida foi aprovada por 95 votos a favor e apenas um contrário e já era esperada após o apoio público dos congressistas democratas e republicanos.   

Essa é a maior ampliação da Otan desde os anos 1990 e foi solicitada por ambos os países por conta dos temores de que a Rússia faça uma invasão militar na Suécia e na Finlândia assim como está fazendo na Ucrânia. Isso porque a Aliança tem o chamado “Artigo 5” que considera que o ataque contra qualquer país-membro é uma ação militar contra toda a Otan.   

Para um candidato ser aprovado, ele precisa do voto dos Parlamentos dos Estados-membros, 30 ao todo. No entanto, o único que pode dificultar a adesão de suecos e finlandeses é a Turquia, que acusa as duas nações de ajudarem “grupos terroristas” locais.   

Após a aprovação do Senado, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, comemorou o amplo apoio à medida.   

“O Senado aprovou de maneira esmagadora a adesão à Otan dos nossos parceiros próximos Finlândia e Suécia. Esse voto histórico é um sinal importante do constante compromisso bipartidário dos Estados Unidos para garantir que a Aliança esteja pronta para enfrentar os desafios de hoje e de amanhã”, afirmou o mandatário.   

Para Biden, os EUA “continuarão a trabalhar para permanecer vigilantes contra qualquer ameaça à nossa segurança compartilhada e para desencorajar e enfrentar qualquer tipo de agressão”. (ANSA).   

Fonte: ANSA