Tropeço do Palmeiras faz Flamengo e Atlético-MG encostarem na liderança, e Brasileirão terá mais uma ‘final’

27 de novembro de 2023 58

Em um Brasileirão que parece que ninguém quer ganhar, o líder Palmeiras perdeu a chance de dar um passo gigante rumo ao título neste domingo (26). Ainda que, com um jogador a menos, o Verdão tenha buscado o resultado duas vezes contra o Fortaleza, o empate no Castelão fez com que Flamengo Atlético-MG encostassem na ponta da tabela. Mengão e Galo se enfrentam nesta quarta-feira (29) em mais uma daquelas ‘mini-finais’ que uma competição de pontos corridos possui. 

É bem verdade que a equipe paulista ainda depende somente de si para levantar a taça, mas agora ela tem a companhia dos cariocas em pontos, e só está na frente por ter o saldo de gols maior. Portanto, os palmeirenses sabem que em qualquer tropeço nos últimos três jogos do Campeonato Brasileiro, tem o Urubu na espreita para beliscar o caneco. 

Além do mais, o Galo está ‘doido’ para ‘bicar’ mais uma conquista nacional. Até então dado como ‘carta fora do baralho’, o Atlético-MG entrou definitivamente na briga pelo título ao passar por cima do Grêmio, em Belo Horizonte. A vitória por 3 a 0 colocou o time alvinegro entre os quatro primeiros, a três pontos da liderança, e, de quebra, tirou os gaúchos do G4. 

Com um técnico vencedor, como Luiz Felipe Scolari, e jogadores decisivos, principalmente no comando ofensivo, como Hulk e Paulinho, é impossível descartar que os atleticanos terão capacidade para chegar forte nesta reta final deste Campeonato Brasileiro. A ‘prova de fogo’ para o Galo será justamente o duelo contra o vice-líder Flamengo, neste meio de semana. Os mineiros vão até o Maracanã e podem embolar de vez a competição nacional a duas rodadas do fim. 

A rodada perfeita para o Atlético seria com uma vitória sobre o Mengão combinada com uma derrota do Palmeiras para o América-MG, em São Paulo, e do Botafogo, para o Coritiba, na capital paranaense. Assim, Verdão, Galo e Fla dividiram a liderança, com 63 pontos, com os palmeirenses em primeiro, por conta do saldo de gols, seguido dos atleticanos, e os flamenguistas em terceiro. 

A tabela é outro fator importante e que pesará para o título. Mesmo deixando escapar a oportunidade de se desgarrar na ponta da tabela, o Palmeiras possui uma sequência mais ‘tranquila’ que os seus adversários diretos. A equipe alviverde fará os seus dois próximos jogos em casa contra rivais que não têm mais pelo que lutar neste Brasileirão. O América-MG, oponente desta quarta-feira (29), já está rebaixado para a segunda divisão em 2024, enquanto o Fluminense, que enfrenta o Palestra no domingo (3), está com a cabeça no Mundial de Clubes, que disputará a partir do dia 18 de dezembro, na Arábia Saudita. 

DEU RUIM 

Grêmio e Bragantino definitivamente se desgarraram na briga pelo título. Os dois times chegaram a ter a faca e o queijo na mão para assumirem a liderança nas últimas rodadas, mas uma sequência de tropeços colocou os dois clubes fora do G4 e a quatro pontos da liderança. 

O Imortal perdeu a segunda partida consecutiva, despencou na tabela e viu o Atlético-MG, adversário deste fim de semana, disparar. Enquanto o Massa Bruta, que chegou a depender somente de si para ser campeão, há duas rodadas, chegou ao quarto jogo sem vitórias e praticamente deu adeus ao sonho que, literalmente, foi de algumas noites de verão. 

O Botafogo, mesmo ainda no G4, também parece ter dado adeus ao título. Sem vencer pela oitava partida seguida, os cariocas, que já não dependiam mais somente de si para ser campeões, tiveram nova chance de alcançar o topo da tabela, mas deixaram a vitória sobre o Santos, em casa, escapar no último minuto, em mais uma série de coisas que só acontecem com o clube da estrela solitária.

Fonte: LANCE