Viatura da Polícia Civil de São Paulo aborda editor do DCM em casa

3 de agosto de 2022 41

DCM - Nesta terça, dia 2, o editor do DCM, Kiko Nogueira, foi surpreendido com uma visita inesperada em sua residência. 

Tratava-se de uma viatura da Polícia Civil, cuja identificação optamos por suprimir, mesmo sendo um agente público em suposta diligência a favor do combate ao crime. 

Que crime teria sido cometido para o jornalista ser surpreendido com o aparato policial em sua porta? 

O investigador estacionou na frente da garagem. O filho de Kiko, Davi, o atendeu e passou o celular para o doutor Francisco Ramos, que nos representa, falar com ele. 

Apuramos que alguns advogados, contrariados com o site, fizeram representações por alegadas ofensas no 51º Distrito Policial, no Butantã, zona Oeste de São Paulo. 

O investigador foi cumprir um protocolo: verificar se o DCM fica na jurisdição daquele DP. Foi informado, então, de que a sede é no centro da cidade.

DCM está tentando contato com o delegado titular do 51º DP para entender melhor o caso e verificar quem são esses advogados e os clientes. 

Hoje, o Instituto Sou da Paz divulgou um estudo indicando que menos de 40% dos homicídios praticados no Brasil são esclarecidos. Certamente a autoridade policial tem muito trabalho.

A defesa do DCM está vigilante com todas as tentativas de intimidação, especialmente agora que o Estado Democrático de Direito está ameaçado. 

 

Fonte: BRASIL 247