Número de imigrantes ilegais brasileiros nos Estados Unidos cresce 54% e chega a 200 mil

17 de novembro de 2023 91

Dados recentes divulgados pelo Pew Research Center revelam um aumento expressivo no número de imigrantes ilegais brasileiros nos Estados Unidos, saltando de 130 mil em 2016 para 200 mil em 2021, representando um crescimento de 54%.

Os brasileiros constituem 2% do total de imigrantes ilegais nos Estados Unidos, que atingiram 10,5 milhões em 2021. A maioria dessa população é composta por mexicanos, totalizando 4,1 milhões e representando 39% do total.

Após o México, os países com as maiores populações de imigrantes não autorizados nos EUA em 2021 foram El Salvador (800 mil), Índia (725 mil) e Guatemala (700 mil).

Considera-se imigrantes ilegais aqueles que não se enquadram em categorias como imigrantes com residência legal (com green card), refugiados, asilados, ex-imigrantes com permissão para residir legalmente, cidadãos naturalizados ou indivíduos com residência temporária legal em categorias específicas de visto.

Em 2021, a comunidade de imigrantes ilegais brasileiros nos EUA atingiu a marca de 200 mil. No período de 2018 a 2021, a disparada foi de 33,3%. Não há informações disponíveis referentes a 2022.

Ao analisar as regiões, a América Central apresenta o maior número de imigrantes ilegais nos EUA, com 1,85 milhão em 2016 e 2,15 milhões em 2021. Por outro lado, o Oriente Médio apresenta o menor número, com 170.000 em no mesmo ano.

Fonte: CONEXÃO POLÍTICA