Superar oscilação é desafio de América-MG e Fluminense no Independência

15 de junho de 2022 54

Eles dividem a mesma pontuação na classificação (14 pontos), estão na parte intermediária da tabela e têm como objetivo frequentar o G-4 do Brasileirão. Mas para tornar essa meta em realidade, América-MG e Fluminense, que se encontram nesta quarta-feira, às 21h30, no Independência, precisam selar um acordo com as vitórias para conseguir, de fato, embalar na competição.

Com a vantagem de atuar em casa, o técnico Vagner Mancini já sinaliza a necessidade de sua equipe acertar o prumo no campeonato. Disposto a quebrar a série de duas derrotas seguidas, o treinador conta com um reforço importante: Felipe Azevedo.

O atleta corria risco de levar até três jogos de gancho pela expulsão diante do Atlético-MG pela quinta rodada. Com a absolvição junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva(STJD), ele está confirmado no ataque mineiro.

A experiência de seus jogadores é um fator que Mancini leva em conta para conseguir um padrão de atuações. E contar com Everaldo, Aloísio e Felipe Azevedo no ataque diante dos cariocas é uma chance que precisa ser aproveitada.

Assim, contra o Fluminense, é o momento de esquecer as derrotas para o Ceará e também para o São Paulo para iniciar uma nova fase no Brasileirão. “Olha, o campeonato é bastante equilibrado e a prova disso é que os times estão embolados. O que temos de fazer é ter confiança no trabalho. Ficar dois jogos sem vencer, claro que incomoda, mas sabemos das nossas condições para dar a volta por cima”, afirmou o atacante Everaldo.

No gol, a experiência de Jailson vai ser importante para dar estabilidade ao setor defensivo já que Mancini tem alguns atletas entregues ao departamento médico, entre eles, o zagueiro Iago Maidana, os meias Índio Ramírez e Matheusinho além do atacante Paulinho Boia.

Pelo lado do Fluminense, essa irregularidade vem sendo o grande desafio a ser superado. Depois de vencer o Atlético-MG por 5 a 3, a equipe de Fernando Diniz voltou a decepcionar seus torcedores ao perder em casa para o Atlético-GO por 2 a 0.

No entanto, as suspensões podem complicar a vida de Fernando Diniz. Expulso no último jogo, David Braz está fora, assim como André e Arias, que receberam o terceiro amarelo.

Já Paulo Henrique Ganso retorna ao time dando mais qualidade ao setor de criação. Matheus Martins, promessa da base, foi reintegrado ao elenco após defender a seleção brasileira sub-20 e deve ser opção no banco de reservas.

Na frente, o oportunismo de Cano e a habilidade de Luiz Henrique são os trunfos para surpreender os donos da casa. “O time tem sido aguerrido em campo e a torcida tem visto isso. Entrega não falta. O que temos é que corrigir alguns detalhes”, afirmou Fernando Diniz.

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO